segunda-feira, 9 de julho de 2012

Geovândalos TT de Sicó


E lá me deparei, mais uma vez, com o triste cenário... 
Mais uma vez volto a chamar à atenção para um problema real e que prejudica cada vez mais a região de Sicó, ou seja o geovandalismo promovido por meia dúzia de marmelos que acha graça andar a fazer coisas erradas no local errado. Geovândalos, é este o termo que também sugiro que se utilize quando alguns marmelos do todo-o-terreno façam o que se vê nesta fotografia.
Porque não vão estes marmelos para outras paragens? Porque não vão eles ali para o meio dos eucaliptais do Maciço Antigo, onde pouco há que estragar? Porque se tolera isto numa área tão rica e, contudo, tão frágil em termos ambientais como é Sicó?
Porque dizem estes marmelos que gostam da terra quando afinal a degradam de forma gratuita e inaceitável? Se gostam de TT tudo bem, não sou fundamentalista, mas ao menos que o façam em locais próprios ou em locais onde as consequências sejam diminutas.
É triste ver que, cada vez mais, surgem estas feridas na paisagem, feridas estas provocadas por gente sem consciência e sem paixão por Sicó. Há que apelar a todos para que não tolerem nem apoiem algo que degrada a olhos vistos locais extremamente belos como é este o caso. Há que punir severamente quem faz isto, a bem de Sicó!

1 comentário:

OLima disse...

Obrigado, João Paulo, pela sua reflexão frontal, clara e muito lúcida que fez acerca deste meu texto a propósito da liberalização doss eucaliptais http://onda7.blogspot.pt/2012/07/liberalizacao-do-eucalipto-vista.html. HPS deve ter muito valor, deve saber muito, mas nos textos que escreve no blogue Ambio tresanda fel contra as ONGs do ambiente. É uma pedra num dos sapatos que calça de que, lamentavelmente, não consegue libertar-se e sobre a qual muito menos consegue explicar-nos.