sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

E que tal nós, sicoenses, elaborarmos um projecto para submeter ao Orçamento Participativo Portugal?


Estranho? Não, nem por isso. Vamos então ao desafio. De Janeiro a Abril de 2017 nós, região de Sicó, temos uma oportunidade ímpar para propor um projecto pensado por nós e para nós. Mas só se quisermos e, posteriormente, se nos unirmos pela região, sem políticas da capelinha e politiquices à mistura. Como? Através do Orçamento Participativo Portugal. Desde já aproveitem para dar uma espreitadela e depois, só depois, continuem a ler este comentário. 
Temos a possibilidade, de ao nível da NUT II - Centro, apresentar uma ideia para a região de Sicó, onde haverá com toda a certeza uma vencedora (as propostas serão ao nível das NUT II, portanto uma será para nós...).
Resumindo, nós podemos esboçar uma proposta para entrar neste Orçamento Participativo Portugal, podendo ser a mesma no âmbito da cultura, ciência, agricultura ou educação e formação de adultos. Já pensaram nas possibilidades que temos para pensar em algo que realmente precisamos e que podemos escolher? Sim, somos nós mesmos que vamos votar, entre Junho e Setembro de 2017, portanto se o lóbi "Sicó" funcionar, temos reais hipóteses. O montante do projecto é de 375 000 euros, portanto dá para fazer algo de engraçado, digamos assim.
Fica desta forma o desafio para uma Sicó inovadora e activa, onde todos exerçam o seu papel. Cidadãos, entidades públicas e/ou privadas, todos contam, portanto fico à vossa espera, caso assim o entendam. O desafio está lançado e a informação partilhada. Há que debater a questão, as ideias e delinear uma ideia ganhadora, entre todos, pois é assim que uma sociedade evolui, participando activamente nos processos, especialmente naqueles onde pode ser parte plena e activa. 
Vamos ficar parados e queixarmo-nos que a culpa da nossa má sorte é de alguém que não nós ou vamos meter mãos à obra?!

Sem comentários: