domingo, 25 de maio de 2014

TV Rural


Antes que perguntem, não, não é nenhuma montagem, é mesmo um apanhado daqueles caricatos e surrealistas. E não, não vou dizer onde é, importa saber apenas que é na região de Sicó, pois se quiserem realmente saber têm um remédio, o de partir em busca do achado. 
O propósito deste "apanhado" é o de debater uma questão cada vez mais pertinente. A moda da TV qualquer coisa está agora fortemente implantada, que nem moda das capelinhas. Cada terra tem de ter a sua Tv, custe o que custar.
Na região de Sicó fazia sentido ter um projecto regional de televisão, alicerçada nas novas tecnologias. Ou seja, ter uma Tv das já existentes, mas dedicada ao regional, à região de Sicó. Em termos de custo benefício, não me parece de todo fazer sentido ter tantas Tv´s da capelinha, mesmo que, obviamente, estas possam fazer bom trabalho nalguns domínios.
É curioso ver os autarcas a falar tanto em intermunicipalismo, mas, depois, na prática, a sua acção política vai para o sistema das capelinhas, faltando a bela da coerência. Com uma Tv regional ter-se-ia um maior impacto com menores recursos utilizados, sendo assim eficiente. 
Nesta região existe muita matéria prima, pronta a ser trabalhada pela imprensa, mas para isso há que saber montar uma estratégia eficaz e ter bons profissionais, capazes de interpretar este território tão peculiar e as suas gentes. É toda uma riqueza por potenciar!
Mas para isso há que afastar a lógica da politiquice, a qual tanto tem prejudicado esta região. Fica então a ideia no ar...

Sem comentários: