segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Crowdfunding pelo património: uma proposta para a região de Sicó


Crowdfunding é uma palavra ainda pouco conhecida em Portugal. São poucos os que conhecem o que é o crowdfunding e menos ainda os que já contribuíram para um qualquer projecto. Já existe uma plataforma nacional de crowdfunding, a partir da qual se pode criar uma iniciativa ou projecto que possibilite a angariação de fundos para um projecto com o qual as pessoas se identifiquem. Existem todo o tipo de projectos ou iniciativas que possam imaginar. Crowdfunding é afinal uma forma simples, mas genial, de criar algo especial.
O intuito deste meu comentário é muito simples e prático, o de funcionar como uma plataforma embrionária que permita agrupar pessoas com um interesse mútuo, o da preservação do vasto património que temos nesta bela região de Sicó. Por vezes vemos património que está desprezado ou abandonado, por vezes por falta de vontade de pessoas e entidades, outras vezes por falta de capital de pessoas ou entidades varias. O simples facto de se criar projectos de crowdfunding pode possibilitar a recuperação deste mesmo património, sejam os projectos de pequena, média ou grande dimensão. Vejo que só assim algumas situações se poderão resolver, pois se nos juntarmos todos teremos concerteza mais força.
A imagem que utilizo como "anexo" a este comentário é meramente ilustrativa, mas penso que através da visualização da mesma conseguirão logo compreender aquilo que afinal estou a propor.
Quem estiver interessado em desenvolver esta ideia, pode facilmente entrar em contacto comigo. Além disso, podem, desde já, ir pensando em "patrimónios" a propor para recuperação, sejam eles edifícios, objectos ou mesmo terrenos. Imaginem o que iria significar a recuperação de uma fonte, de uma picota, um tear antigo, um moinho, um forno comunitário, ou de outro qualquer objecto patrimonial que tornou esta região no que ela é, uma jóia! Ou então, imaginem contribuir para um projecto de arqueologia, o qual vise abrir janelas do passado longínquo de Sicó! É só querer...
E se acham que uma gota não enche um copo, pensem duas vezes, pois um copo é cheio gota a gota, até ao topo. Se pensam que doar 3 ou 4 euros para um projecto catita não é nada, imaginem se houver 200 ou 300 pessoas a doar 3 ou 4 euros. Para muitas situações bastam algumas centenas de euros para recuperar um qualquer objecto patrimonial. O desafio está lançado!
A título também ilustrativo, deixo-vos com o link de um projecto de crowdfunding fantástico, que pretende dar um apoio muito importante à ciência portuguesa e para o qual eu já contribuí:
http://ppl.com.pt/pt/prj/3dantartida

Sem comentários: