quinta-feira, 4 de abril de 2013

Iniciativa "Moinhos Abertos 2013" na região de Sicó




No próximo fim-de-semana festeja-se o Dia Nacional dos Moinhos (7 de Abril), com a iniciativa "Moinhos Abertos", promovida pela Rede Portuguesa de Moinhos e com o apoio de várias entidades.
É, por isso, uma data muito especial no domínio do património molinológico, também na região de Sicó. Contudo, e como podem ver pela figura acima, vão ser apenas dois moinhos abertos a visitas em toda a região de Sicó, o que lamento profundamente.
Sicó é uma região de moinhos, muito embora restem muitos poucos a funcionar. Na maior parte dos locais onde já existiram moinhos, existem hoje apenas as pedras onde os moinhos faziam a sua dança do vento. Face aos moinhos de água, o cenário não é muito diferente...
Tenho pena que mais moinhos não estejam abertos naquele dia muito especial. O Moinho da Melriça e os do Outeiro, ambos em Santiago da Guarda (Ansião), são apenas alguns dos que deveriam estar de portas abertas, mas infelizmente isso não acontece este ano, esperemos que para o próximo ano eles estejam à nossa espera.
Consultei a listagem disponível no documento acima referenciado, e constatei que apenas o moinho da Serra da Portela (Pousaflores, Ansião) e o moinho da Avanteira-Pelmá (Alvaiázere), vão estar de portas abertas. Isto, note-se, numa região de moinhos!
Esta é a prova evidente, se é que havia dúvidas, da nossa falta de atenção para com este nosso património. Cidadãos, entidades e associações dão pouca ou nenhuma atenção para este património que poderia representar uma mais valia imensa para toda esta região. São poucos os cidadãos, entidades e associações que dão o real valor aos nossos moinhos, sejam eles de vento ou de água. Todos eles estarão representados nesta iniciativa.
No que me toca, estou à vontade para falar deste tema, já que enquanto cidadão e enquanto associado de duas emblemáticas associações da região de Sicó, tenho, em conjunto, feito algum trabalho em prol do património molinológico da região de Sicó, nomeadamente através de artigos científicos. Se todos fizermos um bocadinho, poderemos fazer muito em prol deste recurso patrimonial de valor inestimável.
Quem ainda não teve a oportunidade de fazer alguma coisa que seja, pode começar por, no próximo fim-de-semana, visitar os moinhos que estejam de portas abertas. Eu irei visitar, mais uma vez, o moinho da Serra da Portela, em Ansião!

Sem comentários: